Como ir de Lima para Machu Picchu: Trem, ônibus ou a pé? - Mundo Viajante

Como ir de Lima para Machu Picchu: Trem, ônibus ou a pé?

Publicado em 20/02/2021

Quer saber como chegar até as ruinas de Machu Picchu? Quais as melhores opções de transporte até a cidade perdida inca? Quais os custos por trecho? E como ir de Lima para Machu Picchu? Então, confira nosso post completo:


mulher de touca e blusa de frio em uma trilha

Diferente do que todo mundo pensa, são várias as possibilidades para se chegar na cidade perdida de Machu Picchu.

Seja de ônibus, avião, trem, carro ou trilha, o caminho até lá atende a todo tipo de público: Mochileiro, econômico e luxuoso.


O tempo também muda consideravelmente de acordo com a escolha do viajante, já que existem caminhos que podem levar semanas.

Esse post tem como objetivo mostrar como ir de Lima para Machu Picchu e principalmente mapear todas as formas de acesso até as ruinas sagradas.


Visão Geral: Como ir de Lima para Machu Picchu?


O primeiro passo é sair do Brasil até a capital do Peru – Lima – e de lá seguir até Cusco que fica a mais de 1000km de distância da capital peruana.


Chegando em Cusco os viajantes devem ir rumo a Aguas Calientes, o vilarejo mais próximo da cidade Inca, e só depois finalmente chegar a Machu Picchu.

Relembrando a rota de Lima para Machu Picchu: Lima --> Cusco --> Aguas Calientes --> Machu Picchu.

mapa de meios de trasnporte carro, aviao e bike

Em relação as opções de locomoção, cada trecho possui suas peculiaridades e pode ser acessado das seguintes formas:

· De lima para Cusco: Avião, ônibus ou carro.

· De Cusco para Aguas Calientes: Trem, van, carro ou a pé.

· De Aguas Calientes para Machu Picchu: Van oficial ou a pé.


Lima para Cusco


Lima para Cusco: Avião


Considerada a rota mais frequente para se chegar em Cusco, os voos para a cidade cusqueña tem duração de 1:30h e partem diariamente por algumas  companhias aéreas que realizam esse trecho.

As tarifas variam muito conforme promoções ao longo do ano, mas em média os preços ficam entre $100 a $300 por trecho.


Lima para Cusco: Ônibus


São comuns as viagens noturnas partindo de Lima com destino a Cusco de ônibus, onde existem três possíveis trajetos: Passando por Arequipa, Abancay e Nasca.

Os dois primeiros levam em torno de 20h-26h e custam de 100 a 200 soles o trecho, já o terceiro tem duração aproximadamente de 30 horas e passa por diversos precipícios perigosos.


Lima para Cusco: Carro


Apesar de não ser o transporte mais comum para se chegar em Cusco, é possível percorrer os 1100 km de carro.

Porém, é importante ressaltar a dificuldade de locomoção em vários trechos da estrada e nos precipícios ao longo do caminho. 

Por último, seria interessante avaliar o custo-benefício de uma viagem de carro até Cusco.


Cusco para Aguas Calientes


Cusco para Aguas Calientes: Trem


Apesar da viagem de Cusco para Aguas Calientes de trem ser relativamente curta, as passagens são caras e cobradas em dólar americano.

Apenas duas empresas fazem essa rota de trem: Peru Rail e Inca Rail.

A Peru Rail possui 3 tipos de trens turísticos de Cusco para Aguas Calientes: Vistadome, Expedition e Hiram Bingham.

No caso do Vistadome os trens possuem janelas panorâmicas e o teto é feito de vidro transparente.

Já no Hiram Bingham o turista tem acesso a viagem mais sofisticada que a empresa pode oferecer, com direito a vagão-restaurante, vagão-bar, vagão-observatório, almoço ou jantar, música peruana e coquetel de boas-vindas.

Por último no Expedition – onde embarquei na minha viagem em 2018 – é considerado o mais barato dos 3 trens.


O embarque de Cusco para Aguas Calientes ocorre nas estações de San Pedro (Cusco), Poroy (Cusco), Urubamba e Ollantaytambo.

Lembrando que o embarque direto de Cusco para Aguas Calientes ocorre apenas de maio a dezembro. Pois, de janeiro a abril inicia-se a temporada de deslizamentos em Cusco e o transporte bimodal é adotado pela empresa:

1º Ônibus de Wanchaq em Cusco com destino a Ollantaytambo.

2º Embarque de trem em Ollantaytambo para Aguas Calientes.

tebela de preços de passagem de trem peru rail
Para mais informações de horários, outros pontos de embarque e detalhes, consulte mais informações no site oficial.

Já em relação a Inca Rail, existem 4 opções luxuosas de passagens de trem: The Private, The First Class, The 360º e The Voyager.

Sendo que nas duas primeiras – The Private e The First Class – os passageiros têm direito a um vagão exclusivo com cardápio gourmet.

Já para quem compra a passagem The 360º terá janelas panorâmica, acesso ao bar e almoço leve.

Por último, no The Voyager encontram-se assentos confortáveis com mesas dobráveis, janelas panorâmicas e snacks.

tabela de preços inca rail
Para mais informações de horários, outros pontos de embarque e detalhes, consulte mais informações no site oficial.

Consulte as tarifas diferenciadas e promocionais nos sites oficiais, já que os preços apresentados aqui são apenas uma média.

Por último, lembre-se que os valores para o transporte bimodal ou com partida em outras estações – exceto de San Pedro – são diferentes dos apresentados acima.


Cusco para Aguas Calientes: Onibus + Taxi


Das maneiras menos cansativas de chegar a Machu Picchu, esta é a mais barata, porém não tão rápida: você precisará de 2 ou 3 dias para todo o passeio.

Algumas agencias de viagem vendem tours “Machu Picchu by bus” ou “Machu Picchu by car”, mas saiba que você pode fazer esse caminho de forma independente.

O primeiro passo é pegar um ônibus ou taxi de Cusco até a cidade de Santa Maria, localizada a 180 km da região central.

Os transportes coletivos saem da Avenida Antonio Lorena e podem ser acessados pelo Terminal de Passo Santiago ou pelo Terminal Quillambola em Cusco.

onibus e carro

Uma alternativa para quem busca agilidade é pegar um taxi coletivo, próximo ao Hospital de la Solidaridad, para ir direto a Santa Maria.

Chegando em Santa Maria, é necessário embarcar por 30 minutos em uma kombi ou taxi até o vilarejo de Santa Teresa.

Nesse último trecho a estrada é de terra, e, portanto, na época de chuva o caminho se torna extremamente perigoso.

Já em Santa Teresa os viajantes pegam um taxi até a hidrelétrica e de lá caminham 10km até Aguas Calientes.

É fácil fazer esse último percurso a pé, seguindo os trilhos dos trens por umas 3 horas.

Lembre-se que esse é um caminho alternativo, apesar de não ser o mais indicado. Além disso, as condições meteorológicas podem influenciar muito no trajeto.

Por fim, em relação aos custos podemos estimar um gasto de 80 soles o trecho, ou seja, 160 soles ida e volta.


Cusco para Aguas Calientes: Ônibus + a Pé


Essa é a opção favorita entre os mochileiros, tanto pelo baixo custo – de aproximadamente 40 soles o trecho – como pela relativa facilidade.

O trajeto se inicia em Cusco nos terminais de ônibus da Avenida Antonio Lorena, onde o viajante deve pegar um ônibus com destino a Ollantaytambo.

A viagem até Ollantaytambo tem duração aproximada de 1:40h e custa em média 20 soles de ônibus ou 40 soles de taxi.

onibus e trekking

Chegando no vilarejo vá até a praça central e tome um taxi – por aproximadamente 50 soles para 4 pessoas – até o km 82.

A partir do km 82 não tem erro: é só caminhar pelos trilhos até Aguas Calientes, mas tome bastante cuidado nas curvas e tuneis, quando não há muito espaço para desviar dos trens.

E apesar dessa prática ser proibida os maquinistas se acostumaram a ver os viajantes quebrando essa regra.

Na volta faça o mesmo trajeto, caminhe de Aguas Calientes até Ollantaytambo e de lá pegue um ônibus ou taxi para regressar a Cusco.


Cusco para Aguas Calientes: Bike + a Pé


Conhecido como Inka Jungle Trek, esse roteiro tem se tornado uma das alternativas mais populares à Trilha Inca, podendo durar de 3 a 4 dias.

No primeiro dia, o viajante vai de Cusco até o Vale Sagrado de carro, passando pelo ponto conhecido como Abra Malaga, a 4.350m. Chegando no povoado de San Luis, os viajantes descem de bicicleta até Santa Maria, visitando os sítios arqueológicos no caminho.

ciclista e pes

No segundo dia, caminha-se até Santa Teresa pelas margens do rio Urubamda, atravessando um trecho de selva.

No último dia a ideia é ir de Santa Teresa até Aguas Calientes: Seguindo de carro até a hidrelétrica e depois caminhar pelos trilhos dos trens até Aguas Calientes.

Um pacote como esse é vendido pelas agências de turismo por $300, incluindo o transporte de van, bicicletas, acomodações em hostel e a volta de Aguas Calientes para Cusco de trem.


Cusco para Aguas Calientes: A pé


  • Trilha Inca Clássica


O trekking mais famoso da América Latina com certeza é a Trilha Inca Clássica, onde o viajante leva 4 dias e 3 noites até chegar em Machu Picchu.

Sendo necessária a reserva antecipada pelas agencias de turismo credenciadas, o trekking inicia no km 88 em Qoriwayrachina e passa pelo rio Vilcanota até chegar ao povoado de Wayllabamba.

No segundo dia os turistas sobem até o topo da montanha Warmiwañusca e percorrem um caminho de 4 horas até o Vale do Rio Pacaymayu.

Já no dia seguinte os visitantes percorrem o caminho que passa por 4 sítios arqueológicos: Runkuraqay, Sayaqmarka, Phuyupatamarca e Wiñaywayna.

Por fim, no quarto e último dia, o trekking segue em direção ao mirante Intipunku e depois até Machu Picchu.

Em relação aos preços, o pacote completo da trilha clássica – incluindo transporte até o ponto inicial, guia, carregador de bagagens, equipamento e refeições – custa em média $600 por pessoa.


  • Trekking de Salkantay


Esse percurso é indicado para aqueles que topam caminhar vários dias, mas que não conseguiram uma vaga na Trilha Inca ou não querem pagar mais de $500 pelo trekking.

A caminhada dos 70 km leva de 5 a 7 dias e não inclui a passagem pelos sítios arqueológicas. Apesar disso, nesse percurso o viajante passa pela vegetação nativa da região, montanhas e picos nevados, onde o destaque é do Salkantay com seus 6.200 metros.

Esse passeio é vendido em Cusco pelas agencias de turismo por $ 300, já estando incluso transporte de van ou trem quando adequado, guia turístico, equipamentos de camping, cavalos para carregar a bagagem, refeições e para alguns casos a entrada para Machu Picchu.

Em resumo, o roteiro do Trekking de Salkantay inicia em Mollepata passando por Soraypampa até chegar em Santa Teresa.

Dali em diante o caminho segue como vários outros, passando pela hidrelétrica e seguindo em direção à Aguas Calientes.

Lembre-se de confirmar com a agência de turismo se está incluso o carregamento de toda a sua bagagem, já que algumas agencias vendem esse tour mais barato sem o carregamento total de bagagem.

Por último, saiba que a melhor época para o Trekking de Salkantay é de maio a fins de agosto, devido ao bom tempo e céu limpo.


  • Trilha Caminho Sagrado


Já no caso de quem não tem muito tempo, ou não está confiante com a sua forma física, uma opção alternativa seria encarar o Caminho Sagrado de 2 dias e 1 noite.

Esse caminho apesar de ter sido usado pelos Incas se transformou em uma alternativa turística mais curta que as anteriores.

O início do percurso é no km 104, onde os turistas podem chegar até lá de trem Expedition da Peru Rail.

Lembre-se que é necessário solicitar a parada, se não o trem vai direto para Aguas Calientes.

Após desembarcar, atravesse o rio Vilcanota e faça o registro obrigatório no ponto de controle. Depois é só seguir por 4 horas até Wiñaywayna – local de pernoite dos viajantes.

No dia seguinte a caminhada segue em direção a Aguas Calientes e Machu Picchu.

O custo para esse trekking alternativo é de aproximadamente $500 por pessoa e inclui guia turístico, equipamento, pernoite em hostel e carregamento de bagagens.


Aguas Calientes para Machu Picchu


Aguas Calientes para Machu Picchu: Van


A opção mais fácil para subir até a entrada das Ruinas de Machu Picchu é através das vans oficiais que saem da rua principal do vilarejo de Aguas Calientes. 

Lembrando que as vans saem a cada 10 minutos e custam por volta de $15 dólares ida e volta.

Aguas Calientes para Machu Picchu: A pé


A segunda alternativa é caminhar por 2 horas pelo mesmo caminho que as vans percorrem até a entrada de Machu Picchu.

Só existe uma única rota de estrada de terra, sendo impossível que o viajante se perca.


Qual a melhor opção de Lima para Machu Picchu?


  • Mochileiro


Para aqueles que são mochileiros em busca de economia máxima, sugerimos a seguinte rota:

1º Ônibus de Lima para Cusco (400 soles ida e volta)

2º Ônibus + a Pé de Cusco para Aguas Calientes (80 soles no total)

3º Caminhar de Aguas Calientes até a entrada de Machu Picchu (Gratuito)


  • Econômico


1º Avião de Lima para Cusco (200 dólares ida e volta)

2º Trem de Cusco para Aguas Calientes (130 dólares ida e volta)

3º Van oficial de Aguas Calientes até Machu Picchu (15 dólares ida e volta)


  • Luxuoso


1º Avião de Lima para Cusco (200 dólares ida e volta)

2º Trem Luxuoso de Cusco para Aguas Calientes (500-900 dólares ida e volta)

3º Van oficial de Aguas Calientes até Machu Picchu (15 dólares ida e volta)

Lembrando que essas são apenas sugestões de roteiro, pois existem outras opções como trekkings e caminhos alternativos como os citados no post.


Qual rota fiz de Lima para Machu Picchu?


Conheci Machu Picchu em janeiro de 2018 – na temporada de chuvas – onde os caminhos são afetados pelas condições meteorológicas.

Portanto, optei por uma viagem econômica que não foi nem de luxo e nem de mochileiro:

1º Trecho: Lima até Cusco de Avião pela Avianca.

2º Trecho: Cusco para Aguas Calientes de ônibus e trem (devido a temporada de chuvas).

3º Trecho: Aguas Calientes até Machu Picchu de van oficial.

Na época meus gastos totais foram de aproximadamente $250 dólares ida e volta de Lima para Machu Picchu.


Se você gostou desse post, confira também no Blog Viajo Caminhando "17 Cidades do Peru para Viajar e se Apaixonar"


Parcerias do Blog Mundo Viajante


Conheça os parceiros promocionais do Mundo Viajante, faça suas compras clicando nos ícones abaixo:

Cada compra que você faz AQUI, ajuda a mantermos sempre o blog funcionando e atualizado, lembre-se que você não paga nada a mais por isso.

Compre e compare pelo melhor preço a sua passagem aérea com o "Passagens Promo"


Saia do Brasil com internet no seu celular com o "Viaje Conectado"


Pesquise simultaneamente todas as locadoras de carro e reserve com a que for mais barata, pela "Rent Cars"


Vai viajar para o exterior? Se proteja contra imprevistos com a "Real Seguros" ou "Seguros Promo"


Precisa comprar moeda ou carregar cartões pre-pagos para usar no exterior? Confira as melhores condições na "Confidence Cambio"


Por último, para comprar seus passeios e ingressos com antecedência, confira o "Get Your Guide"


Tem alguma dúvida sobre os caminhos até Machu Picchu? Então, deixa seu comentário 😉

panfelto com imagem de machu picchu e como ir de lima para machu picchu


Se gostou desse post segue o Mundo Viajante no Facebook

Conheça também nosso perfil no Instagram e Pinterest

Se tem dúvidas ou sugestões deixa seu comentário


E-books importantes e que valem a pena:
 

14 comentários:

  1. Você trouxe ótimas informações sobre de como ir de Lima para Machu Picchu, que bom que tem ótimas formas de ir para Machu Picchu, gostei muito do post, bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado.

      Abraços

      Excluir
  2. Parabéns pelo post Como ir de Lima para Machu Picchu. Está super completo e dá-nos uma ideia de todo o percurso para lá chegar e quais os gastos necessarios. Terei este post em conta quando organizar a minha viagem a Machu Picchu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pretendemos fazer mais posts sobre Machu Picchu 😊

      Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado.

      Abraços

      Excluir
  3. Tenho um sonho de conhecer Machu Picchu. Seu post é muito bom... Dá um panorama global do percurso. A gente praticamente viaja com você! Fora a noção econômica, que é muito importante saber, não é verdade? Adorei! Excelentes informações!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado.

      Abraços querido 💚

      Excluir
  4. Nossa tenho muita vontade de conhecer, sempre fez parte do meu roteiro de viagens. Amei o post com essas dicas super completas!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado.

      Abraços

      Excluir
  5. Oi, tudo bem? Ótimas dicas! Ainda mais para quem ama viajar. Já viajei de trem e de ônibus, amo poder fotografar no trem. Avião também é muito bom. Espero conhecer o Peru em breve. Um abraço, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado.

      Abraços

      Excluir
  6. Gostei das tuas dicas, as vezes queremos viajar mas sem saber como acabamos perdendo das belezas que poderíamos conhecer, valeu pelas dicas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário e fico feliz que tenha gostado.

      Abraços

      Excluir
  7. Oi Iza, tudo bem?
    OMG! Faz um post por favor, depois, com as fotos dessa cidade e um pouco sobre a história do lugar, eu ficarei louca, risos... Gente, seria o máximo conhecer as ruínas sagradas. E você deu o caminho das pedras para chegarmos lá. Amei as suas dicas!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cila, pode deixar que estamos programando outros posts sobre as ruínas de Machu Picchu e nesses terão várias fotos 😊

      Forte abraço querida 💙

      Excluir



@INSTAGRAM