Circuito das Águas Paulistas: Roteiro de 7 dias

deck do amor em holambra - circuito das aguas paulistas

Sumário

Localizado no interior de São Paulo, o Circuito das Águas Paulistas é composto por um conjunto de nove encantadoras cidades. Cada uma oferecendo uma experiência única para os viajantes que buscam explorar o interior do estado.

Este circuito é conhecido por suas águas termais e sua rica herança cultural, e, portanto, é o destino perfeito para todo tipo de viajante, principalmente para famílias.

Pensando nisso, o Blog Mundo Viajante conheceu esse pedacinho do interior de São Paulo e agora vai compartilhar tudo com você!

 

Quais são as cidades do Circuito das Águas Paulistas?

Como comentamos anteriormente, o Circuito das Águas Paulistas é composto por 9 cidades do interior de São Paulo.

Dentre elas estão Águas de Lindóia, Amparo, Holambra, Jaguariúna, Lindóia, Monte Alegre do Sul, Pedreira, Serra Negra e Socorro. Cada uma com suas atrações únicas!

Águas de Lindóia, por exemplo, é famosa por sediar eventos esportivos, como o Lindoia Open de Tênis. Enquanto, a cidade de Amparo é ser conhecida como a “Terra da Música” devido ao Festival de Inverno que atrai artistas renomados todos os anos.

Já em Holambra, os visitantes podem se encantar com as deslumbrantes exposições de flores e o famoso passeio holandês. Um dos mais tradicionais da região.

Por fim, outro destaque é Pedreira, conhecida também como “cidade da porcelana”. Onde os visitantes podem explorar lojas e ateliês de cerâmica e diversas lojas do gênero.

 

O que fazer nas cidades do Circuito das Águas Paulistas?

1. Socorro | Circuito das Águas Paulistas

o que fazer em socorro sp - Circuito das Aguas Paulistas
Fonte: Pixabay

Localizada nas margens do rio do Peixe Socorro ficou conhecida principalmente por conta da Gruta do Anjo, formada na época de exploração de minérios.

Além disso, Socorro também conta com outros atrativos, como por exemplo, o Pico do Cascavel, a Maria Fumaça, a Pedra Bela Vista e a Cervejaria Quinta do Malte.

E para os que amam esportes ou aventuras, a cidade também oferece trilhas, passeios de quadriciclo, rafting, canoismo e rapel.

Por fim, se você quer saber com mais detalhes sobre o que fazer em Socorro e onde se hospedar na cidade, indicamos que confira as nossas dicas.

 

2. Lindóia | Circuito das Águas Paulistas

lindoia - Circuito das Aguas Paulistas
Fonte: Pixabay

Com certeza muitos dos leitores do Blog Mundo Viajante já tomaram, mesmo que sem saber, a água mineral de Lindóia.

Considerada uma Estância Hidromineral, Lindoia é responsável por 40% da água mineral consumida pelos brasileiros.

Contudo, Lindoia também possui outros encantos, como por exemplo, o Mirante do Cristo, o Monumento Garrafa, a Paróquia Nossa Senhora das Brotas e o Engenho Cavalo de Troia e o Grande Lago de Lindoia.

E você pode conferir todos os detalhes sobre cada um deles nas nossas dicas sobre o que fazer em Lindóia.

 

3. Águas de Lindóia | Circuito das Águas Paulistas

o que fazer em aguas de lindoia
Fonte: Pixabay

Águas de Lindoia é um dos melhores destinos para curtir dias quentes em família, a cidade que atualmente é considerada uma Estância Hidromineral. E conta com diversas atrações, mas a principal delas é o Thermas Águas de Lindóia.

A grande atração do parque aquático são as piscinas de águas quentes harmonizadas. Além disso, o local conta com Ofurô Gigante, Baldão de 1250 litros, Jatos d’água, Bar Molhado e Cascatas.

E para quem tem mais tempo disponível, é interessante incluir no roteiro outras atrações da cidade, como o Morro do Cruzeiro, o Balneário Municipal, a Praça Adhemar de Barros, o Bosque Zequinha de Abreu, o Mosteiro Santíssima Trindade e o Grande Lago Lindóia.

E ai gostou da cidade? Então, planeje sua viagem com nosso guia completo sobre o que fazer em Águas de Lindóia e onde se hospedar na cidade.

 

4. Serra Negra | Circuito das Águas Paulistas

o que fazer em serra negra no interior de sp

Ocupada antigamente pelos imigrantes italianos, a cidade de Serra Negra se transformou em referencia na venda de artigos de lã, linha e couro.

Porém, Serra Negra também possui outros pontos turísticos interessantes, como a Disneylândia dos Robôs, o Teleférico Central, a Fonte Santo Agostinho, o Cristo Redentor e o Trenzinho da Maria Fumaça.

E o melhor de tudo é que temos dicas sobre quase tudo em Serra Negra, desde os melhores restaurantes, principais cachoeiras, além dos parques mais famosos da região.

Mas, não é só isso, agora a cidade conta com uma nova atração, que inclusive achamos incrível, uma replica da Fontana di Trevi.

Por fim, é claro, também selecionamos onde ficar em Serra Negra e o que fazer por lá.

 

5. Monte Alegre do Sul | Circuito das Águas Paulistas

Monte Alegre do Sul - Circuito das Aguas Paulistas

Fundada em 1943 Monte Alegre do Sul conta com uma população de apenas 7 mil habitantes.

Para quem busca tranquilidade, a cidade conta com várias pousadas e hotéis fazenda, inclusive a Pousada da Cachoeira, onde nos hospedamos.

Além disso, a região conta com vários pontos turísticos interessantes, como a antiga locomotiva Mogiana, o Santuário do Senhor Bom Jesus, o Mirante do Cruzeiro, a Cidade das Artes.

E para fechar com chave de ouro e planejar sua viagem confira nossas dicas do que fazer em Monte Alegre do Sul e suas principais opções de hospedagem.

 

6. Amparo | Circuito das Águas Paulistas

vinicola terrassos amparo sp - Circuito das Aguas Paulistas

Pequena, mas cheia de charme, essa é a melhor definição para a cidade de Amparo no interior de São Paulo.

Localizada na região de Bragança Paulista, em meio a Serra da Mantiqueira, a cidade tornou-se em 1945 a primeira cidade do Circuito das Águas Paulistas.

Atualmente é conhecida por suas águas puras e seus pontos turísticos locais, como por exemplo, o Cristo de Amparo a Catedral Nossa Senhora, a Igreja São Benedito, a Estação Ferroviária de Amparo e a Igreja Nossa Senhora do Rosário.

Por fim, o turismo rural é referência na cidade e comentamos sobre as fazendas da região nas nossas dicas sobre o que fazer em Amparo.

 

7. Pedreira | Circuito das Águas Paulistas

o que fazer em pedreira, a cidade da porcelana
Fonte: Pixabay

Localizada a 40 km de Campinas, a cidade de Pedreira é conhecida como a terra da porcelana no interior de São Paulo.

E para quem gosta de artigos de decoração e paisagismo, a região deve ser inclusa no roteiro de viagem.

Contudo, o que muitos turistas não sabem é que a cidade também conta com outros atrativos turísticos, como por exemplo, o Zoo Bosque, a Capela Bom Jesus, o Morro do Cristo, o Teleférico e o Rio Jaguari.

 

8. Jaguariúna | Circuito das Águas Paulistas

passeio maria-fumaça de Campinas a Jaguariúna

Localizada na região metropolitana de Campinas, o município de Jaguariúna é conhecido pela sua natureza e tranquilidade.

Dentre os locais mais visitados da cidade está o Parque dos Lagos, o Centro Cultural de Jaguariúna, o Parque Luiz Barbosa, o Jaguar Poker Clube, o Naga Cable Park, a Praça da Cachoeira e a Maria Fumaça.

Por fim, confira as dicas sobre o passeio de maria fumaça de Campinas para Jaguariúna. Além, é claro, sobre o que fazer em Jaguariúna e onde se hospedar.

 

9. Holambra | Circuito das Águas Paulistas

o que fazer em holambra - conhecer os campos de girassóis

Por estar localizada a apenas 40 km de Campinas e a 135 km de São Paulo, Holambra se transformou em um dos principais cartões postais do Circuito de Águas Paulistas.

Conhecida também como a cidade das flores, Holambra ficou famosa por conta de seus lindos campos de girassóis.

Contudo, a cidade das flores também abriga outros pontos turísticos interessantes, como por exemplo, o Moinho Povos Unidos, o Deck do Amor, a Rua dos Guarda-Chuvas, o Letreiro de Holambra, o Parque Van Gogh e o Bloemen Park.

Além disso, em setembro acontece a Expoflora de Holambra, considerada a maior exposição de flores da América Latina.

E se você quer conhecer o circuito paulista, indicamos que confira nossas dicas sobre o passeio holandês, além, do que fazer em Holambra e onde ficar na cidade.

 

O que fazer no Circuito das Águas Paulistas: Roteiro de 7 dias

Para quem gosta de viajar de carro, preparamos um roteiro de 7 dias pelo Circuito das Águas Paulistas.

Partindo de Campinas ou interior, o ideal é iniciar o roteiro por Holambra, passando por Jaguariúna, Pedreira, Amparo, Monte Alegre do Sul, Serra Negra, Águas de Lindoia, Lindoia e por fim Socorro.

 

1º DIA: Passeio holandês de Holambra

Inicie seu roteiro pelo Circuito das Águas Paulistas fazendo o tradicional passeio holandês de Holambra, onde você irá conhecer o Moinho dos Povos Unidos, o Museu de Holambra. Além de uma linda estufa de flores e de pratos tipicamente holandeses.

 

2º DIA: Passeio de Maria Fumaça em Jaguariúna

Já no segundo dia do seu roteiro, indicamos que faça o passeio de Maria Fumaça de Jaguariúna para Campinas, um dos passeios mais legais do interior de São Paulo.

 

3º DIA: Visita a Pedreira e Amparo

Agora siga em direção à cidade da Porcelana para umas comprinhas e já aproveite para conhecer algumas das fazendas de Amparo, de preferência pela manhã, para você provar os famosos cafés da manha.

 

4º DIA: Visita a Pousada da Cachoeira

Se você gosta de tranquilidade e boa infraestrutura, indicamos que passe pelo menos 2 dias na Pousada da Cachoeira em Monte Alegre! Mas, caso só tenha apenas 1 dia, vá lá para almoçar e depois conhecer a antiga estação Mogiana.

 

5º DIA: City tour em Serra Negra

Falamos com detalhes sobre o que fazer em Serra Negra em 1 dia, mas nossas dicas incluem as seguintes atrações: Fontana di Trevi em Serra Negra, passeio de Teleférico e Cristo Redentor, Trenzinho Turístico e Rota Alto da Serra.

 

6º DIA: Passar o dia no Thermas Águas de Lindóia

Aproveite o dia em família no famoso parque aquático Thermas Águas de Lindóia. Incluindo atrações como o Ofurô Gigante, Baldão de 1250 litros, Jatos d’água, Bar Molhado e Cascatas.

 

7º DIA: Gruta do Anjo e Pico do Cascavel

No último dia pelo Circuito das Águas Paulistas, indicamos que visite a famosa Gruta do Anjo e em seguida o Pico do Cascavel. Ambos são imperdíveis.

Por fim, lembre-se que essa é apenas uma sugestão de roteiro. Já que existem outros pontos turísticos no Circuito das Águas Paulistas, mas resolvemos elencar os principais.

 

Outras dicas de roteiro para Road Trip

Ahh já ia me esquecendo, esse post faz parte da blogagem coletiva do grupo “Viagens por Escrito” com o tema “Road trip ao redor do mundo”. Então, confira as dicas incríveis de outros blogs participantes:

 

Chegamos ao fim das nossas dicas sobre o Circuito das Águas Paulistas, mas no caso de dúvidas deixe o seu comentário! Beijos da Iza e do @blogmundoviajante!

8 respostas

  1. Esse roteiro é muito gostoso mesmo. Na época que tinha congressos em Águas de Lindóia, sempre dava uma escapadinha para conhecer outras cidades do circuito das águas paulistas. É aquela road trip perfeita para quem quer tranquilidade!

  2. Iza, que post lindo e só me deixou com vontade pegar a estrada.
    Fazemos vários quilômetros no exterior e muitas vezes subestimamos o Brasil e suas belezas.
    Amei o roteiro e as dicas.
    Gratidão.

  3. Achei muito legal o roteiro de 14 dias para quem não mora em SP. São cidades que unem natureza, compras e gastronomia. Em Jaguariúna frequentava muito o Bar da Praia! Não sei se ainda é tão gostoso como antigamente!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre mim
o que fazer em holambra - conhecer os campos de girassóis

Izabela

Sou apaixonada por musica, hambúrgueres artesanais e principalmente viagens. Estou sempre tentando aprender com os lugares e pessoas que conheço na estrada da vida.

- Publicidade -

Junte-se à nossa comunidade de viajantes e receba dicas exclusivas, descontos e novidades!

- Publicidade -
Este site utiliza cookies para garantir uma melhor experiência ao usuário. Consulte a nossa Política de Privacidade.