PortugueseEnglishSpanishFrench
PortugueseEnglishSpanishFrench

O que fazer na Ilha do Mel, Paraná: Tudo que você precisa saber

o que fazer na ilha do mel

Para quem está planejando uma viagem para o Paraná, mas ainda não sabe quando ir, onde ficar, como chegar, e, principalmente, o que fazer na Ilha do Mel, vem com a gente.

Localizada a 120 km de Curitiba, especificamente na região de Paranaguá, a Ilha do Mel é considerada por muitos o lugar mais lindo do Paraná. E não é de se estranhar, já que a ilha paranaense é marcada pela tranquilidade e segurança.

Além disso, atualmente a Ilha do Mel é demarcada como uma área de preservação ambiental, onde é proibida a circulação de automóveis. Sendo assim, só é possível circular pela ilha de barco, bicicleta ou caminhando, o que faz dela ainda mais especial.

Dito isso, preparamos um guia completo sobre o que fazer na ilha do Mel, além das principais dicas de viagem para você planejar a sua trip.

Por fim, esperamos que você goste e volte cheio de boas lembranças!

 

O que fazer na Ilha do Mel: Principais atrações

  1. Praias da Ilha do Mel
  2. Farol da Conchas
  3. Fortaleza Nossa Senhora
  4. Gruta das Encantadas
  5. Passeio de barco

 

Perguntas frequentes sobre a Ilha do mel

O que ver e fazer na Ilha do Mel?

Os principais atrativos da ilha são trilhas, praias e pontos turísticos da época colonial.

Como chego na Ilha do Mel?

O acesso até a ilha é apenas de barco, seja de Pontal do Sul ou Paranaguá.

Quanto custa entrar na Ilha do Mel?

A entrada na ilha é gratuita, mas ela é limitada a 5000 pessoas por dia.

O que não posso deixar de fazer na Ilha do Mel?

A Gruta das Encantadas, o Farol das Conchas e a Fortaleza.

 

Quando ir na Ilha do Mel?

A primeira pergunta de quem pretende conhecer esse pedacinho do sul sempre é, quando ir na Ilha do Mel?

Bom, vamos lá, antes de tudo lembre-se que a ilha fica no sul do Brasil, ou seja, uma região tipicamente fria.

Então, se você quer conhecer a ilha em uma época quente, mas com leves pancadas de chuva, indicamos que vá durante o verão.

Já se a sua ideia é fazer as trilhas da ilha, e, portanto, evitar ao máximo a chuva, indicamos março e abril, na mudança de estação.

Por fim, apesar do menor índice de chuva ser entre maio a agosto, essa também é a época mais fria da ilha, ou seja, não é a mais indicada.

 

Quantos dias ficar na Ilha do Mel?

Apesar de essa ser uma pergunta que divide opiniões, é possível conhecer os principais pontos turísticos da Ilha em apenas 1 dia.

Nesse caso, indicamos a contratação de alguma excursão bate e volta, ou, como alternativa, fazer um planejamento próprio incluindo a Gruta das Encantadas, o Farol e a Fortaleza.

Além disso, também é possível passar alguns dias na Ilha do Mel, inclusive foi o que fizemos 🙂

Sendo assim, podemos afirmar que em 3 dias completos já é possível conhecer toda a ilha. Porém, para quem pretende descansar e ver tudo com bastante calma, indicamos de 4 a 6 dias.

 

Como chegar na Ilha do Mel?

Se você já acompanha o nosso blog, já sabe que fizemos um post completo com todas as dicas sobre como chegar na Ilha do Mel. Mas, também vamos resumir aqui os principais acessos até esse pedacinho do paraíso.

A primeira e a mais importante, é que só é possível chegar até Ilha do Mel de barco, além disso, esse acesso pode ser desde Pontal do Sul ou Paranaguá.

Aliás, para quem vem de Curitiba a melhor opção é ir de ônibus pela Viação Graciosa até Pontal, e, depois, seguir viagem de barco até a Ilha do Mel.

Lembrando que é proibida a circulação de carros na ilha, e, portanto, para quem está de carro será necessário estacionar em Pontal.

Além do mais, saindo da praia de Pontal do Sul, a travessia de barco até a Ilha do Mel leva cerca de 20 minutos, enquanto de Paranaguá é de aproximadamente 1 hora.

Ahh é importante comentar que existem os barcos taxis particulares que cobram no mínimo R$ 50 por trecho e o transporte oficial da ilha, onde já é tabelado.

Em relação aos valores oficiais, a ida e volta de Pontal do Sul até a ilha sai por R$ 44,18. Já saindo de Paranaguá o valor total é de R$ 76,50. (Referência: Maio/2022)

Sendo que, de Pontal do Sul as balsas saem de 30 em 30 minutos na alta temporada, e de hora em hora em época de menor movimento. E ao chegar no porto, já te perguntam se você irá para Nova Brasília ou Encantadas. Já que, apesar de serem barcos diferentes, o valor total é o mesmo.

Além disso, você também pode ir para Encantadas e voltar de Nova Brasília, e, vice-versa, pois a passagem é válida em ambos os trapiches.

Por fim, também existe a opção de fazer a excursão de apenas 1 dia na famosa Ilha do Mel.

 

Como circular dentro da Ilha do Mel?

Como já comentamos anteriormente, só é possível circular na Ilha do Mel, de bicicleta ou a pé. Mas, fique tranquilo, pois também existe a possibilidade de ir de barco para as regiões mais afastadas da ilha.

Inclusive quando visitamos a ilha em abril/2022 a seguinte tabela de preços estava em vigor: Farol das Conchas (R$ 50), Encantadas (R$ 20), Praia Grande (R$ 80), Fortaleza (R$ 100) e Grajagan (R$ 60).

Por último, lembre-se que esses preços são referentes ao trecho, mas na baixa temporada ou dias da semana é possível negociar com o pessoal do barco-taxi.

 

Onde se hospedar na Ilha do Mel?

Diferente do que muita gente pensa, a Ilha do Mel conta com diversas pousadas em Encantadas e Nova Brasília.

Sendo que, a região de Encantadas é o lugar ideal para quem gosta de pousadas mais sofisticadas e opções de lazer noturnas. Já a região de Nova Brasília é perfeita para aqueles que preferem um lugar mais tranquilo.

Além disso, as pousadas mais econômicas da Ilha do Mel ficam em Nova Brasília, ou seja, é a melhor opção para quem pretende economizar.

Aliás, ficamos hospedados em Nova Brasília, especificamente na Pousada Favo de Mel, e, com certeza, indicamos para os leitores do blog. Já que a pousada oferece um ótimo custo beneficio entre preço, localização e atendimento.

Por fim, se você quer escolher onde ficar na ilha baseado nos pontos turísticos, saiba que em Encantadas fica a famosa Gruta. Enquanto, em Nova Brasília está localizada a Fortaleza e o Farol das Conchas.

 

Melhores pousadas em Encantadas

Como já deu para perceber, existe muito o que fazer na Ilha do Mel, principalmente para quem pretende passar alguns dias na ilha. Então, selecionamos as melhores pousadas na região de Encantadas:

  • Pousada da Ilha do Mel: Ideal para quem busca uma opção mais econômica em Encantadas, mas que também não abre mão de uma boa localização.
  • Marimar: Considerada uma das pousadas favoritas dos turistas, essa pousada fica a beira mar e dispõe de quartos família, com capacidade de até 5 pessoas.
  • Coração da Ilha do Mel: Com vista panorâmica e piscina ao ar livre, a Pousada Coração da Ilha do Mel é uma das melhores opções de luxo na ilha.
  • Pousada Éphira: Perfeita para quem busca boa localização e opções de lazer, já que a Éphira conta com piscina ao ar-livre e opções de quartos familiares.
  • Ulu Kainoa Pousada: Por fim, temos a Ulu Kainoa, considerada como uma das principais opções de luxo na Ilha do Mel.

 

Melhores pousadas em Nova Brasília

Dito isso, também existe a possibilidade de hospedagem em Nova Brasília, região indicada principalmente para quem busca tranquilidade e economia.

  • Pousada Favo de Mel: Ficamos hospedados na Favo de Mel e com certeza voltaríamos, não apenas pela ótima localização, como também pelo custo-benefício entre preço e comodidades. Além disso, o atendimento da pousada merece 5 estrelas.
  • Pousadinha: Outra opção econômica e bem localizada é a chamada Pousadinha, perfeita para quem procura um ótimo custo beneficio entre localização e preço.
  • Chalé Lote 22: Indicado principalmente para quem viaja em família e busca uma acomodação com piscina em Nova Brasília.
  • Pousada das Meninas: Só de ver as fotos você já vai se apaixonar pelo ambiente rústico e agradável dessa pousada. Mas, muito, além disso, a localização e as comodidades também são perfeitas.
  • Villa Maria: Chegamos a nossa última indicação de hospedagem na Ilha do Mel, a Pousada Villa Maria, conhecida pelo ótimo custo beneficio entre preço e localização.

Por fim, você também pode conferir todas as opções de estadia na Ilha do Mel, além de reservar com cancelamento grátis pelo Booking.

 

O que fazer na Ilha do Mel?

1- Praias da Ilha do Mel

Claro que na nossa lista do que fazer na Ilha do Mel não poderiam ficar de fora as praias mais lindas do Paraná. Distribuídas em um território de 35 km, as praias da ilha encantam quando o assunto é beleza natural aliada à tranquilidade.

o que fazer na ilha do mel

E não importa se você vai ficar em Nova Brasília ou Encantadas, já que ambas são magníficas. Contudo, é importante saber que em sua maioria, as praias da Ilha do Mel não oferecem qualquer infraestrutura.

ilha do mel praias

Com exceção da praia de Encantadas, indicada para quem busca mais agito e movimentação na ilha.

Além dessa, existem outras praias interessantes desse lado da ilha, como a Praia do Miguel, do Mar de Fora, do Bananal e de Conchinha.

Já em Nova Brasília, indicamos a Praia do Belo, de Fora, de Paralelas e de Fortaleza. Sendo que, nessas últimas ficam localizados o Farol das Conchas e a Fortaleza Nossa Senhora.

 

2- Farol da Conchas

Construído em 1873, a pedido de Dom Pedro II o Farol das Conchas foi construído com o objetivo de orientação aos navegante. Mas com o passar do tempo, se transformou em um dos locais mais visitados da ilha.

farol das conchas ilha do mel

Já em relação a como chegar nesse paraíso, é possível acessar facilmente o farol através de Nova Brasília, já que o farol fica a apenas 1 km do trapiche.

o que fazer na ilha do mel

Por fim, é possível aproveitar a viagem pela região e conhecer de uma só vez o Farol da Conchas e as praias de Paralelas e das Conchas.

 

3- Fortaleza Nossa Senhora dos Prazeres

Seguido do Farol das Conchas, a Fortaleza Nossa Senhora dos Prazeres é o segundo ponto turístico mais visitado em Nova Brasília. E não é para menos, já que o Mirante da Fortaleza é encantador.

fortaleza ilha do mel

Mas, muito além de apenas o mirante, a Fortaleza foi construída em 1767 pela Coroa Portuguesa no reinado de D. José I. Sendo, o seu principal objetivo a proteção e segurança das fronteiras coloniais.

fortaleza ilha do mel

Já a sua localização, na extremidade norte da ilha, é estratégica, pois oferece uma visão panorâmica de curta e longa distancia.

fortaleza ilha do mel

Por fim, para chegar até a Fortaleza, é indicado alugar uma bike em Nova Brasília e de lá pedalar por aproximadamente 30 minutos. Ou alternativamente, ir de barco taxi ou passeios náuticos.

 

4- Gruta das Encantadas

Localizada no sul da Ilha do Mel, especificamente próxima ao Trapiche de Encantadas, a fenda formada por um paredão rochoso é conhecida como a famosa Gruta das Encantadas.

Onde, segundo a lenda, já foi habitada por sereias mágicas, que seduziam os pescadores que por ali passavam. Já atualmente, o local é conhecido como um dos principais pontos turísticos da Ilha do Mel.

gruta encantadas o que fazer na ilha do mel

Mas, é necessário ficar atento a alguns detalhes específicos, como por exemplo, que a visibilidade da Gruta depende da maré baixa.

Já em relação ao acesso, é possível chegar até lá por diversas trilhas, como pela praia de Encantadas, ou até mesmo a partir da Praia Grande.

Por fim, assim como em toda a ilha, lembre-se de passar muito repelente e tirar ótimas fotos.

 

5- Passeio de barco

Já se você quer saber se tem algum passeio mais tradicional para fazer na Ilha do Mel? A nossa resposta é sim: Os famosos passeios de barco ao redor da ilha.

o que fazer na ilha do mel

Bom, em primeiro lugar, o roteiro do passeio de barco é basicamente dar uma volta de 360º pela Ilha do Mel. E, portanto, passar pela praias de Encantadas e Nova Brasília, e, por fim, parar na Fortaleza e na Ponta Oeste.

passeio barco ilha do mel
Mayke @nicolecrb

Já em relação aos valores, os passeios podem variar de R$ 100 a R$ 150 por pessoa, e, valem a pena, principalmente, para quem tem pouco tempo na ilha.

passeio barco ilha do mel

Por último, saiba que você pode contratar o passeio diretamente na ilha, a não ser que você faça um bate e volta de Curitiba, onde já está incluso o passeio de barco.

 

O que fazer “a mais” na Ilha do Mel?

6- Passeios de bike

Se você assim como eu ama passeios de bike, a Ilha do Mel é o local ideal. Não apenas porque é proibida a circulação de carros na ilha, como também pelas belezas naturais desse pedacinho do paraíso.

bike ilha do mel

Além disso, tanto em Nova Brasília quanto em Encantadas é possível alugar uma bike, sendo que a média é R$ 15 a hora e R$ 80 a diária.

 

7- Trilhas na Ilha do Mel

Agora chegamos a um dos atrativos mais legais para quem gosta de caminhar, as trilhas da Ilha do Mel. Sim, é isso mesmo, a Ilha do Mel conta com diversas trilhas, inclusive com diversos tipos de dificuldade.

trilhas ilha do mel

As de nível baixo/moderado em Encantadas são até a Gruta e o Morro do Sabão. Enquanto, em Nova Brasília as melhores são até o Farol e a Fortaleza.

Por fim, se você quer saber mais sobre as trilhas da Ilha do Mel, e, principalmente conferir as melhores dicas de viagem, indicamos que confira o nosso blog.

 

9- Conhecer as piscinas naturais

Apesar das águas paranaenses serem consideradas frias, muitos turistas aproveitam a viagem para conhecer as piscinas naturais da Ilha da Galleta.

ilha do mel

Para isso, basta contratar um barco-taxi em Nova Brasília ou Encantadas por no mínimo R$ 50 por pessoa. Além disso, é importante ir a Ilha da Galleta na maré baixa.

 

9- Praticar surf

O paraíso dos surfistas no sul com certeza é a Ilha do Mel, não apenas pelas boas ondas, como também pelas praias desertas. Mas, é necessário tomar cuidado, pois algumas praias da ilha são conhecidas por suas águas agitadas.

o que fazer na ilha do mel

 

10- Conhecer as atrações noturnas

Diferente do que muita gente pensa sobre a Ilha do Mel, ela também oferece opções noturnas, como restaurantes com musica ao vivo.

Além do mais, em alguns dias da semana e na alta temporada na região de Nova Brasília (próximo ao Farol) acontece o forró da ilha.

 

O que fazer na Ilha do Mel com crianças?

Apesar de ter visto em grande maioria casais, a Ilha do Mel é perfeita para viajar com crianças, já que o clima praiano aliado à segurança é perfeito para os pequenos.

Em relação ao roteiro, indicamos que se hospede em pousadas com piscina, assim as crianças não ficarão entediadas. Além disso, não deixem de conhecer o Farol das Conchas e a Fortaleza.

 

O que fazer na Ilha do Mel com chuva?

Apesar de a ilha ser conhecida pelo seu tempo fechado, ela é bastante úmida, e, portanto, mesmo sem sol é possível aproveitar os seus encantos.

O único problema é a chuva, em especial, em épocas frias, já que as atividades da ilha são mais interessantes em dias ensolarados.

Porém, se você não teve sorte e vai para a ilha na chuva, indicamos que conheça a parte de baixo da Fortaleza e se possível visite algum quiosque coberto.

 

O que fazer em 1 dia na Ilha do Mel?

Já se você tem apenas 1 dia na Ilha do Mel, indicamos que contrate o passeio de barco, ou, que defina um roteiro turístico com os principais pontos turísticos.

Onde nesse último caso, indicamos que inicie o dia embarcando em Pontal ou Paranaguá com destino a Nova Brasília. E, em seguida, alugue uma bike para ir até o Farol e a Fortaleza.

Já depois do almoço, pegue um barco em direção a Encantadas e conheça a Gruta. Por fim, aproveite o fim de tarde em alguma praia próxima ao trapiche.

 

O que fazer em 2, 3, 4 ou 5 dias na Ilha do Mel?

Ficamos 4 dias na Ilha do Mel, então podemos afirmar que é lugar perfeito para quem pretende descansar em meio à natureza.

Sendo que o roteiro de viagem ideal é, no primeiro dia conhecer o Farol das Conchas e as praias de Paralelas e de Fora. Já no segundo, indicamos que alugue uma bike e conheça a Fortaleza.

Enquanto, no terceiro dia, uma boa pedida é ir às piscinas naturais da Ilha da Galleta, e, se possível incluir o passeio de barco.

Por fim, no último dia, conheça apenas a praia do Bananal ou a prainha, e, de quebra aproveite a Gruta das Encantadas.

 

Onde comer na Ilha do Mel?

Chegamos a cereja do bolo para os amantes da comida: Onde comer na Ilha do Mel?

Para começar é necessário comentar que as nossas indicações são em Nova Brasília, a região onde ficamos hospedados.

As primeiras são a Pousadinha e o Restaurante da Elza, indicados para quem pretende almoçar ou jantar na ilha.

Além disso, é possível provar crepes saborosos no Restaurante Tropical e hambúrgueres artesanais no Be House.

 

Quanto custa conhecer a Ilha do Mel?

Como sempre digo aqui, os gastos de viagem são relativos de pessoa para pessoa, mas vamos compartilhar os nossos.

Ficamos hospedados na Pousada Favo de Mel, com diárias de aproximadamente R$ 250 para duas pessoas. O que compensou, pois era em uma ótima localização e com boas comodidades, como por exemplo, ar-condicionado.

Já em relação ao passeio de barco, pagamos R$ 120 por pessoa, sem almoço incluso. Inclusive chegamos ao tópico mais caro da ilha, a comida. Já que a média gira em torno de R$ 40 por pessoa, no mínimo.

Por último, o custo de transporte foi R$ 45 ida e volta de barco (transporte oficial) mais R$ 100 de saindo de Curitiba até a Ilha.

Portanto, o total para 4 dias na Ilha do Mel foi de R$ 1000 por pessoa, sem contar a passagem aérea.

 

Vale a pena conhecer a Ilha do Mel?

Com toda certeza vale a pena conhecer a Ilha do Mel, em especial para quem busca um lugar tranquilo e seguro.

E se você assim como nós ama passeios ao ar livre, confira também as dicas do Grupo Viagens por Escrito, com por exemplo, o Zoo Santo Inácio em Vila Nova de Gaia pelo blog Descobrir Viajando e as opções de ecoturismo em Ponta Grossa da Experiência Barbara.

Além, é claro, da encantadora Cachoeira de Santa Bárbara na Chapada dos Veadeiros do blog Agarre Mundo. E as dicas sobre Caraíva: O que fazer, onde se hospedar e mais dicas do Viaja que Passa.

Por fim, o Classe Turista conta tudo sobre Ponta Grossa: Conhecendo o Buraco do Padre e a Fenda da Freira. E para fechar com chave de ouro veja os Parques de Barcelona do blog Conselhos de Viagem.

Dito isso, chegamos ao fim das nossas dicas sobre o que fazer na Ilha do Mel. Mas, caso tenha duvidas ou sugestões, deixe o seu comentário, pois ficaremos felizes em responder.

19 respostas

  1. Eu sou do contra, gosto de praia no inverno, porque gosto de fazer trilhas.
    Tá nos meus planos fazer as trilhas que você recomendo da Ilha do Mel e explora-la com tranquilidade, sem muvuca, calor e chuvas da alta temporada!

  2. Já estive bem próximo da Ilha do Mel, mas não tive oportunidade de chegar lá em uma viagem para o Sul, mas mesmo assim, muito legal conhecer através do seu post. É ótimo ter dicas sobre o que fazer antes de visitar um lugar que gostaríamos de ir.

  3. Izabela, que delícia de lugar. Eu amo fazer trilhas e também curtir a praia, então, para mim, o lugar é perfeito. Gratidão pela postagem, sempre com grande número de informações.
    Beijinhos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Sobre mim

Izabela

Sou apaixonada por musica, hambúrgueres artesanais e principalmente viagens. Estou sempre tentando aprender com os lugares e pessoas que conheço na estrada da vida.

- Publicidade -

Junte-se à nossa comunidade de viajantes e receba dicas exclusivas, descontos e novidades!

- Publicidade -